Teva, pratos muito bem elaborados

Neste post quero falar sobre um empreendimento dentro do movimento que cresce exponencialmente a nível mundial: alimentação vegana e preferencialmente com produtos orgânicos. E no Rio de Janeiro existe uma proposta fantástica na área de restaurante e bar vegano: Teva, localizado na divisa dos bairros do Leblon e Ipanema, Rio de janeiro.

É o ponto onde os descolados não deixam de passar. O atendimento é fantástico, a localização ótima. E o Chef, é impressionante… Todas as semanas tem pratos novos e diferenciados. Uma arte gastronômica.

O chef Daniel Biron, é conhecido e reconhecido em vários países. Posso dizer que o cara é fera em alimentação orgânica-vegana. Fui conferir e digo que nunca vi algo tão diferenciado. Ele consegue deixar o queijo de soja delicioso, sobre uma fatia de pão tostada no azeite e mais ingredientes.

Mesmo quem não é vegetariano, tem que conhecer o Teva, aproximadamente 200 metros da novíssima estação do Metrô Jardim de Alah no Leblon.

À la carte vegano, destaque ao carpaccio, risoto e à torta de cacau e noz pecã, e bar moderno e elegante.
EndereçoAvenida Henrique Dumont, 110 / Loja B – Ipanema, Rio de Janeiro – RJ, 22410-060

Ai vai uma dica, com certeza tem tudo para virar uma franquia de sucesso a nível internacional. Você que pretende montar um negócio fique esperto, assim que for possível e se virar franquia: Teva. Poderá ser montada em Campinas, São Paulo, e várias cidades de nosso País. Tem tudo para ser sucesso. Sempre que estiver no Rio já sei onde jantar à luz de vela numa boa companhia. Atendimento nota 10.

Não é possível encontrar no Teva pratos já consagrados entre os veganos como a feijoada sem nada de origem animal. “Já tem todos os outros restaurantes para servir ótimas feijoadas veganas.” – brincou o chef Daniel Biron, em entrevista ao Vista-se na manhã deste sábado (20).

A pegada do Teva é servir pratos e porções para uma refeição descolada entre amigos. O cardápio tem pratos apetitosos como ravióli verde recheado com ricota de tofu e tomate seco, carpaccio de cogumelos portobello com molho de mostarda e parmesão de castanhas e também palmito à dorê empanado e frito.

Para acompanhar as porções, saladas e sanduíches, o Teva conta com uma carta de vinhos veganos e orgânicos. E tem também drinks alcoólicos criados por um mixologista. Há também opções de coquetéis sem álcool.

Segundo Biron, os ingredientes usados em todas as preparações são frescos, quase sempre orgânicos e preferencialmente de produtores locais. Há preocupação com a destinação do lixo gerado e, para minimizar o impacto, eles têm uma parceria com uma ONG de compostagem e reciclagem chamada Instituto Lixo Zero.

No Teva há muitas opções sem glúten e todos os queijos, molhos e maioneses são preparadas na casa sem nenhum ingrediente de origem animal. Alguns pães também são feitos pela equipe.

Apesar de ter comida feita com ingredientes frescos e quase sempre saudáveis, Daniel rejeita o rótulo de “natureba” para o Teva. “Somos um bar e restaurante descolado de vegetais.” – disse. Frituras e insumos que não são saudáveis como vodka e cachaça estão no cardápio, por exemplo.

 

Arte na mesa – orgânicos – o negócio do século XXI

Existem inúmeros programas sobre alimentação que utilizam vários meios de comunicação. Tem a Rita Lobo que é fantástica, a Bela Gil também maravilhosa e tantos mais.

Imagem relacionada

Estou apresentando alguns pratos veganos pois eles estão na moda a nível mundial e também não podemos nos esquecer dos orgânicos, todo tipo de alimentação, até criação de animais e produção de ovos (para quem não é vegano) com galinhas soltas e que não comem qualquer ração. Na Califórnia, como todos sabem, não existe alimento que não seja orgânico. Resultado de imagem

O mercado está tão agitado que até a gigante da internet Amazon.com comprou a fantástica rede supermercadista norte-americana Whole Foods Market, que é especializada em produtos orgânicos e naturais. A aquisição custou para empresa de tecnologia US$ 13,7 bilhões mais as possíveis dívidas acumuladas pela rede.

Resultado de imagem para fotos de pratos veganos

Na Revista Vegetariano sempre aparecem pratos elaborados com extrema sutiliza, beleza e combinação dos ingredientes:

Gelatina vegana com leite de coco e as saborosas frutas vermelhas, que atualmente fazem parte de grande parte dos habitantes do planeta:

gelatina_vegana

 

Veja a capa da revista Vegetarianos, edição de abril de 2017, já experimentou:

 

Comida também é arte? Bowl Bar – Toronto, CA

A partir de uma vivência na Índia surgiu um novo empreendimento na cidade de Toronto, Canadá. E você concorda que a preparação de pratos especiais e coloridos são uma obra de arte e ainda nos alimenta. Este é um dos primeiros posts a respeito de alimentos. Concorda ainda que um café da manhã com pratos equilibrados e lindos de se ver dão um novo impulso ao dia que se inicia?

Um café da manhã equilibrado, diferenciado e lindo de se ver, imagine comer.

Bowl Bar

 

Bowl Bar Raw Vegan Chia Seed Puddings with Edible Flowers

Vivendo em Bombaim, Marissa Bronfman, voltou para Toronto, trazendo malas cheias de pós de proteína vegana e superfoods como chia, maca, açaí (e tantos outros), enquanto também escolheu coisas novas e frescas de toda a Índia para incorporar na sua dieta. Começou a compartilhar imagens de suas tigelas de smoothie, salada, quinoa e aveia nas mídias sociais e houve tanto interesse, que ela imaginou fazer algo na área de comida vegana. Anos mais tarde essas experiências se transformaram no Bowl Bar!

Originalmente ela queria abrir um pequeno café vegano, e claro bonito, mas as coisas mudaram e surgiu o Bowl Bar.